Araucária é autorizada a fazer licitação para a construção de sete creches

(Foto: Victor Lovato)
O município de Araucária foi autorizado pelo Governo Federal a dar início ao processo de contratação da empresa que vai construir sete novos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs). A medida foi uma conquista para Araucária que, como outros municípios, teve as obras abandonadas pela empresa que ganhou a licitação nacional. Com isso, agora a responsabilidade pelas construções passa para o município.

A notícia foi dada à secretária municipal de Educação Janete Maria Miotto Schiontek, que esteve recentemente em Brasília. “Fui a Brasília no início do ano para resolver essa questão da empresa que abandonou as obras. A partir de lá, apresentamos a intenção de realizar a licitação por aqui. Cumprimos todos os requisitos e o processo estava em análise desde junho”, explicou a secretária. Segundo ela, as sete novas unidade de educação devem comportar cerca de 1.200 vagas.

O momento é de definir detalhes de como se dará o processo de licitação. Uma força tarefa deve envolver as secretarias de Governo, Educação, Obras, Planejamento, Urbanismo, além da Procuradoria Geral do Município. A construção de novos CMEIs e ampliação da oferta de vagas é um compromisso assumido pelo município e tratado como prioridade pela administração. Agora com a responsabilidade de coordenar o processo de escolha da nova empresa, a Prefeitura corre contra o tempo para fazer com que os CMEIs se tornem realidade o quanto antes.

As sete novas unidades serão: Itaipu 2, Jardineira (Campina da Barra), Esperança2 (Gralha Azul), Jd. Marcelino (Capela Velha), Jd Dona Rosa, Jd. Moteleski (Porto Laranjeiras) e Jd. Hermon (Fazenda Velha).

SMCS

0/Deixe seu comentário/Comentários

Seja bem vindo! Deixe seu comentário:

Postagem Anterior Próxima Postagem