Primeiro caso de dengue é confirmado em Araucária

A Secretaria Municipal de Saúde (SMSA) informa à população que foi identificado um caso autóctone de dengue em Araucária, isto é, contraído dentro do município. Por isso, reforça o pedido com cuidados de prevenção e combate à propagação dos mosquitos que podem transmitir a doença: o Aedes aegypti e Aedes albopictus.

A região de residência do paciente que contraiu a doença, o bairro Fazenda Velha, foi verificada pela equipe de controle vetorial que realizou pesquisa larvária e não localizou qualquer foco dos insetos vetores. No entanto, em fevereiro foram localizadas larvas dos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus no Califórnia, Industrial e Thomaz Coelho, em criadouros localizados tanto em estabelecimentos comerciais (empresas e indústrias), quanto em residências. Como não foi realizada nenhuma outra notificação da doença na cidade, até o momento, trata-se de um caso isolado.

Visando eliminar os possíveis focos de criadouros do mosquito na cidade, a Secretaria Municipal de Saúde tem intensificado as pesquisas realizadas por agentes de endemias desde janeiro deste ano para localizar criadouros do mosquito, e com ajuda dos agentes comunitários de saúde, orientar a população sobre prevenção e diagnóstico da doença. O Comitê Municipal de Combate à Dengue está sendo reativado e está havendo um reforço na integração de ações realizadas pela Secretaria Municipal de Saúde, Secretaria Municipal de Meio Ambiente e de Obras Públicas, pelo Programa Bairro Limpo.

Se algum agente comunitário de saúde ou de combate a endemias pedir para verificar a existência de larvas do mosquito em seu quintal, colabore. De qualquer maneira, já adote medidas preventivas. Locais abertos onde água parada possa se acumular, como: em pratos de plantas, pneus velhos e calhas devem ser limpos constantemente. Os pneus não utilizados devem ser descartados corretamente e entregues ao serviço de limpeza urbana. Os sacos de lixo devem ser bem fechados e deve-se evitar também acumular entulhos. Se na sua região possui algum terreno com condições que possam contribuir para a proliferação do mosquito, denuncie para o Disque Dengue pelo telefone 0800 643 3005.

Casos de dengue no Paraná
SMCS

0/Deixe seu comentário/Comentários

Seja bem vindo! Deixe seu comentário:

Postagem Anterior Próxima Postagem